sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Tô a fim dele, como faço?


Desde a minha adolescêscia até o inicio da minha vida adulta eu simplismente me apavorava para me aproximar de algum carinha que eu estava a fim. Suava frio, sumia as palavras, gaguejava, me comportava como uma total pateta, mesmo que o cara demonstrasse interesse. Me lembro que dizia pras minhas amigas "Eu não chego num cara nem a pau". E pior que nem dava chance para aproximação, era uma songa pra essas coisas.

Mas não há nada como envelhecer e deixar de se importar com coisas banais. Ser adolescente é maravilhoso, mas essa parte de ter medo de parecer bobo seja lá qual for a situação, é um pé no útero (porque eu não tenho saco). Estou abordando esse assunto porque estava pensando numas pérolas que eu e as minhas amigas já fizeram, falaram ou ouviram, que pensei "Opa, isso daria um post no blog".

De um tempo pra cá tenho aperfeiçoado minhas táticas de aproximação e também responder à altura quando um cara é babaca. Além de parar de se importar com coisas banais, a gente fica mais maliciosa e malandra quando envelhece isso ajuda muito. Não me lembro ao certo de como fui perdendo a timidez nesse assunto, mas lembro com clareza alguns recentes episódios que vou contar agora.

Saí com um cara certa vez, fomos num bar e ficamos conversando e bebendo vinho, depois de umas duas horas de papo furado - anexo: o sujeito parecia que estava fazendo entrevista para escolher uma esposa, porque me perguntou coisas tipo "Vc gosta de cachorro ou de gato?", "Vc cozinha ou lava a louça" - estavamos falando de uma coisa nada a ver e ele me lança: - Acho que vc quer me beijar. Minha reação foi WHAAAAT???? Eu pensei "mas que cara convencido do cassete" e respondi: - Na verdade não quero, e vc só disse isso porque vc é quem quer me beijar e não sabe como. Ai foi ele que falou "WHAT??". Amei a cara dele! Nesse caso, eu não estava a fim, mas fui malandra com ele, se fosse uns anos atrás eu já tinha cavado um buraco e enfiado a cara.

Outra certa vez fui numa house party (festa em casa que é muito comum nos Estados Unidos), e tinha um gatinho que não parava de olhar pra minha cara, numa hora vi ele sozinho do lado de fora da casa e pensei "é agooora". Fui lá e não me lembro como puxei assunto, mas ficamos a festa toda no blá blá blá. Até que chegou a hora que a minha carona queria ir embora e eu não tinha beijado o gatinho ainda. Fui falar tchau pra ele e não lembro o que ele disse que eu perguntei "Quem quer vc aqui nessa festa?" ai ele apontou pra umas meninas que estavam atrás de nós e pra mim rapidamente e escondeu o dedo. Ai perguntei em seguida "E quem me quer nessa festa?" E ele apontou pra uns caras atrás e apontou pra ele rapidamente, fui obrigada a beija-lo.

Com uma outra vítima eu lancei uma mais sutil. Conheci um gatinho na balada e ficamos conversando, dançando e bebendo a balada toda. Ele era super simpático, e eu sabia que tava a fim de mim total, mas não tomava atitude. Ai estavamos dançando e ele olhando super dentro do meu olho ai falei "Se vc pudesse fazer alguma coisa nesse exato momento, o que vc faria?" - quem conhece americano, sabe como eles são lerdos - e ai ele respondeu "Como assim?" Respirei fundo e repeti a pergunta e ele me beijou. Aeeee, funcionou!!!

A vítima número três das minhas pérolas foi no Halloween, fui fantasiada de Pinup, conheci o gatinho no bar e ele me perguntou o que era minha fantasia, expliquei e detalhei que as Pinups Girls usam batom vermelho e tal. Foi ai que falei "Falando nisso, eu ainda estou de batom?" e ele respondeu "Sim" e eu disse "Quer tirar?" e ele me beijou.

Nessa vida já ouvi, ou já me contaram, muitas cantadas boas e ruíns. Uma vez, numa balada, um cara chegou em uma amiga minha que tinha chegado há pouco tempo nos Estados Unidos e não estava com um inglês muito bom, ela tentou conversar com ele mas avisou que não entendia muita coisa, então ele disse no ouvido dela "Você é muito linda e eu quero te beijar". Isso ela entendeu perfeitamente e ganhou um beijo do cara, ele foi malandro, tiro o chapéu!

A mesma amiga já escutou de um outro, numa outra situação, uma investida que não deu certo, mas não porque não foi boa, e sim porque o cara era feio. Ele chegou nela e ela disse o discurso que não sabia falar inglês muito bem e tal, na hora estava tocando aquela música "I know you want me, you know I wantcha" (Eu sei que vc me quer, vc sabe que eu te quero), e ele chegou cheio das graças querendo dançar e perguntou se ela entendia a letra da música. Pronto, o cara já tava querendo cantar para ela achando que ia fatura-la, maaas ela disse que não entendia a letra e desbaratinou o sujeito.

Uma outra amiga minha ouviu o seguinte: - Did you fart? (Vc peidou?), e ela: - Whaaaat?????, e ele: - Yeah, because you blew me off. (Pq vc me fez "voar"). Tipo, ele quis dizer que quando passou perto dela ele meio que voou. De todas que já ouvi essa foi definitivamente a mais ridícula e sinceramente eu sou mais criativa, fala ai!

11 comentários:

  1. hahahaha... Adooooooooorei o post flor!!!
    =)

    Definitivamente a mais ridicula de todas foi a ultima.. como o cara pergunta a menina se ela peidou? kkkkkkkkkk ateh q a resposta de "vc me fez voar" passa.. mas num dava pra formular melhor a pergunta?? arrrrrrrgh!!!

    Eu tb sou mega timida pra essas coisas de chegar no cara ou saber me dar bem com essas paradas..pqp!! sou mto timida mesma..q horrror!!!
    espero q qndo eu chegar nos states eu melhore..rs

    Bjokaaaaaaaa linda!!
    God bless you

    ResponderExcluir
  2. Ahhhh esqueçi de comentar... adorei o "quem me quer aqui nessa festa"
    mandoooooou super bem girl =P
    hahaha
    kisses

    ResponderExcluir
  3. Nossa...seu blog eh lindooooo!!! vou te seguir...
    Lu (comu au pair)

    ResponderExcluir
  4. Mariii!!!
    Ameiii o post, desde a foto e como vc mandou bem em todas!!!!
    ADOREIIII, eu nao sou timida, mas ter umas tiradas dessa foi fantastico!!!!

    Arrasouuuuu e os caras por ai sao bonitos mesmo????

    hauahuahuahuahu
    bjus

    ResponderExcluir
  5. Marii .. shausuahsuasuausuaha adorei o post muito legal !!! arrasou msm !! (obrigada por me seguir xuxu) ..
    bjokasss s2

    ResponderExcluir
  6. kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Mari, adorei as cantadas e as situações que contou ae! Muito bom ler, cara! Vou anotar algumas táticas dessas e depois te conto algumas outras. hahaha!

    Obrigada pela visita!

    Super Beijo!

    ResponderExcluir
  7. Aeeeeeee Polinhaaa, tá mandando bem com esses gringos mole do caralhoo! kk. Adoreiii suas cantadas rs...Saudadeee amigaaaaaa!

    ResponderExcluir
  8. Oie...
    passando pra agradecer o coment e dizer que foi ótimo ler de ti: eu recomendo e faria de novo! como foi bom.. rsrs
    Beijos..
    Deus te abençoe..

    ResponderExcluir
  9. EXCELENTE TEXTO.GOSTEI, MESMO!!!

    AGORA,VOCÊ PRECISA CONHECER MEU BLOG "HUMOR EM TEXTO".

    DÊ UM PULINHO ATÉ LÁ, SÃO CRÔNICAS DE HUMOR.

    É DE GRAÇA! (RS)

    UM ABRAÇÃO CARIOCA

    ResponderExcluir
  10. Eu ameeeeeeeeeeeeeeeeeei este blog, estou teseguindo, pode? rs

    Boa sorte no seu segundo ano viu!!

    O meu processo não está no blog mas no momento eu estou on line, rs me deseje boa sorte!! rs

    ResponderExcluir
  11. ADOREI a do batom! =D
    vou aprender e dar umas investidas tb! faz bem rsrs
    bjs

    ResponderExcluir

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Tô a fim dele, como faço?


Desde a minha adolescêscia até o inicio da minha vida adulta eu simplismente me apavorava para me aproximar de algum carinha que eu estava a fim. Suava frio, sumia as palavras, gaguejava, me comportava como uma total pateta, mesmo que o cara demonstrasse interesse. Me lembro que dizia pras minhas amigas "Eu não chego num cara nem a pau". E pior que nem dava chance para aproximação, era uma songa pra essas coisas.

Mas não há nada como envelhecer e deixar de se importar com coisas banais. Ser adolescente é maravilhoso, mas essa parte de ter medo de parecer bobo seja lá qual for a situação, é um pé no útero (porque eu não tenho saco). Estou abordando esse assunto porque estava pensando numas pérolas que eu e as minhas amigas já fizeram, falaram ou ouviram, que pensei "Opa, isso daria um post no blog".

De um tempo pra cá tenho aperfeiçoado minhas táticas de aproximação e também responder à altura quando um cara é babaca. Além de parar de se importar com coisas banais, a gente fica mais maliciosa e malandra quando envelhece isso ajuda muito. Não me lembro ao certo de como fui perdendo a timidez nesse assunto, mas lembro com clareza alguns recentes episódios que vou contar agora.

Saí com um cara certa vez, fomos num bar e ficamos conversando e bebendo vinho, depois de umas duas horas de papo furado - anexo: o sujeito parecia que estava fazendo entrevista para escolher uma esposa, porque me perguntou coisas tipo "Vc gosta de cachorro ou de gato?", "Vc cozinha ou lava a louça" - estavamos falando de uma coisa nada a ver e ele me lança: - Acho que vc quer me beijar. Minha reação foi WHAAAAT???? Eu pensei "mas que cara convencido do cassete" e respondi: - Na verdade não quero, e vc só disse isso porque vc é quem quer me beijar e não sabe como. Ai foi ele que falou "WHAT??". Amei a cara dele! Nesse caso, eu não estava a fim, mas fui malandra com ele, se fosse uns anos atrás eu já tinha cavado um buraco e enfiado a cara.

Outra certa vez fui numa house party (festa em casa que é muito comum nos Estados Unidos), e tinha um gatinho que não parava de olhar pra minha cara, numa hora vi ele sozinho do lado de fora da casa e pensei "é agooora". Fui lá e não me lembro como puxei assunto, mas ficamos a festa toda no blá blá blá. Até que chegou a hora que a minha carona queria ir embora e eu não tinha beijado o gatinho ainda. Fui falar tchau pra ele e não lembro o que ele disse que eu perguntei "Quem quer vc aqui nessa festa?" ai ele apontou pra umas meninas que estavam atrás de nós e pra mim rapidamente e escondeu o dedo. Ai perguntei em seguida "E quem me quer nessa festa?" E ele apontou pra uns caras atrás e apontou pra ele rapidamente, fui obrigada a beija-lo.

Com uma outra vítima eu lancei uma mais sutil. Conheci um gatinho na balada e ficamos conversando, dançando e bebendo a balada toda. Ele era super simpático, e eu sabia que tava a fim de mim total, mas não tomava atitude. Ai estavamos dançando e ele olhando super dentro do meu olho ai falei "Se vc pudesse fazer alguma coisa nesse exato momento, o que vc faria?" - quem conhece americano, sabe como eles são lerdos - e ai ele respondeu "Como assim?" Respirei fundo e repeti a pergunta e ele me beijou. Aeeee, funcionou!!!

A vítima número três das minhas pérolas foi no Halloween, fui fantasiada de Pinup, conheci o gatinho no bar e ele me perguntou o que era minha fantasia, expliquei e detalhei que as Pinups Girls usam batom vermelho e tal. Foi ai que falei "Falando nisso, eu ainda estou de batom?" e ele respondeu "Sim" e eu disse "Quer tirar?" e ele me beijou.

Nessa vida já ouvi, ou já me contaram, muitas cantadas boas e ruíns. Uma vez, numa balada, um cara chegou em uma amiga minha que tinha chegado há pouco tempo nos Estados Unidos e não estava com um inglês muito bom, ela tentou conversar com ele mas avisou que não entendia muita coisa, então ele disse no ouvido dela "Você é muito linda e eu quero te beijar". Isso ela entendeu perfeitamente e ganhou um beijo do cara, ele foi malandro, tiro o chapéu!

A mesma amiga já escutou de um outro, numa outra situação, uma investida que não deu certo, mas não porque não foi boa, e sim porque o cara era feio. Ele chegou nela e ela disse o discurso que não sabia falar inglês muito bem e tal, na hora estava tocando aquela música "I know you want me, you know I wantcha" (Eu sei que vc me quer, vc sabe que eu te quero), e ele chegou cheio das graças querendo dançar e perguntou se ela entendia a letra da música. Pronto, o cara já tava querendo cantar para ela achando que ia fatura-la, maaas ela disse que não entendia a letra e desbaratinou o sujeito.

Uma outra amiga minha ouviu o seguinte: - Did you fart? (Vc peidou?), e ela: - Whaaaat?????, e ele: - Yeah, because you blew me off. (Pq vc me fez "voar"). Tipo, ele quis dizer que quando passou perto dela ele meio que voou. De todas que já ouvi essa foi definitivamente a mais ridícula e sinceramente eu sou mais criativa, fala ai!

11 comentários:

  1. hahahaha... Adooooooooorei o post flor!!!
    =)

    Definitivamente a mais ridicula de todas foi a ultima.. como o cara pergunta a menina se ela peidou? kkkkkkkkkk ateh q a resposta de "vc me fez voar" passa.. mas num dava pra formular melhor a pergunta?? arrrrrrrgh!!!

    Eu tb sou mega timida pra essas coisas de chegar no cara ou saber me dar bem com essas paradas..pqp!! sou mto timida mesma..q horrror!!!
    espero q qndo eu chegar nos states eu melhore..rs

    Bjokaaaaaaaa linda!!
    God bless you

    ResponderExcluir
  2. Ahhhh esqueçi de comentar... adorei o "quem me quer aqui nessa festa"
    mandoooooou super bem girl =P
    hahaha
    kisses

    ResponderExcluir
  3. Nossa...seu blog eh lindooooo!!! vou te seguir...
    Lu (comu au pair)

    ResponderExcluir
  4. Mariii!!!
    Ameiii o post, desde a foto e como vc mandou bem em todas!!!!
    ADOREIIII, eu nao sou timida, mas ter umas tiradas dessa foi fantastico!!!!

    Arrasouuuuu e os caras por ai sao bonitos mesmo????

    hauahuahuahuahu
    bjus

    ResponderExcluir
  5. Marii .. shausuahsuasuausuaha adorei o post muito legal !!! arrasou msm !! (obrigada por me seguir xuxu) ..
    bjokasss s2

    ResponderExcluir
  6. kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Mari, adorei as cantadas e as situações que contou ae! Muito bom ler, cara! Vou anotar algumas táticas dessas e depois te conto algumas outras. hahaha!

    Obrigada pela visita!

    Super Beijo!

    ResponderExcluir
  7. Aeeeeeee Polinhaaa, tá mandando bem com esses gringos mole do caralhoo! kk. Adoreiii suas cantadas rs...Saudadeee amigaaaaaa!

    ResponderExcluir
  8. Oie...
    passando pra agradecer o coment e dizer que foi ótimo ler de ti: eu recomendo e faria de novo! como foi bom.. rsrs
    Beijos..
    Deus te abençoe..

    ResponderExcluir
  9. EXCELENTE TEXTO.GOSTEI, MESMO!!!

    AGORA,VOCÊ PRECISA CONHECER MEU BLOG "HUMOR EM TEXTO".

    DÊ UM PULINHO ATÉ LÁ, SÃO CRÔNICAS DE HUMOR.

    É DE GRAÇA! (RS)

    UM ABRAÇÃO CARIOCA

    ResponderExcluir
  10. Eu ameeeeeeeeeeeeeeeeeei este blog, estou teseguindo, pode? rs

    Boa sorte no seu segundo ano viu!!

    O meu processo não está no blog mas no momento eu estou on line, rs me deseje boa sorte!! rs

    ResponderExcluir
  11. ADOREI a do batom! =D
    vou aprender e dar umas investidas tb! faz bem rsrs
    bjs

    ResponderExcluir

Receba um e-mail quando o blog for atualizado