segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Com vocês: O réu...


Eles têm direito de resposta (rs). Segue a versão masculina referente ao meu post anterior:

Cafajestes com coração e que também se apaixonam (resposta).

A pergunta parece, mas não é retórica, queria blogueira Mari. Claro que existem homens com o jeito “lindinho-mas-ordinário”, que só pensam em enfiar o pau em qualquer orifício do sexo feminino (um deles pouco aceitável por vocês), mas alguns muitos são sinceros.
Nem sempre um elogio é feito com a cabeça de baixo ou só com o pensamento de tirar a calça o quanto antes. O cara pode mesmo gostar de vocês. E é aí que o bicho pega.

O cara faz de “tudo” por você querendo, claro, o sexo, mas, em alguns casos, não só o sexo. Mas vocês pensam que eles só querem sexo e, depois de tanta bajulação, eles desencanam. Com motivos, é claro. Porque se nem o beijo dele foi elogiado (depois de milhões de elogios feitos), por que ele teria motivos para continuar?

Existe um limite entre a paixão e o sentimento de achar que está sendo um otário (o homem tem muito disso). E essa linha é tênue. É verdade.

Pensem um pouco mais. Tentem ser mais sinceras, ou não, e pensem que o cara pode estar sendo honesto, ou não.

Seria tão mais fácil se ambos fossem sinceros. A garota dizer que precisa ser bajulada e, depois, que vai te dar. E o cara dizer que vai bajular, mas já avisando que quer só dar umazinha (com o plano de comer atrás, mesmo sabendo que as chances são quase nulas antes de um “eu te amo”).
Sexo sem compromisso é o presente que ganhamos na nossa juventude, talvez a melhor coisa dos anos 90 e 00, mas a paixão a primeira vista ainda existe (apesar de eu pouco acreditar nisso).


E outra coisa...

Não respondam “Bom dia, lindo. Eu te amo!” para depois de duas ou três semanas nem pensarem mais no cara. Apesar do que temos no meio das pernas, temos também um coração. (vale ressaltar que não sou são-paulino)


É isso...


PS: às vezes, precisamos ser cafajestes e gostamos disso também.


Autor: Vitor Meneghetti, 26 anos, Jornalista, amigo e vizinho. Blog:
http://faltoucriatividade.wordpress.com

Resposta de Mari Proença: "Toda regra tem sua exceção!". Concordo, e acho que isso não vale só pra gramática da língua-portuguesa. Obrigada pelo post Vitor, gosto de ouvir a opinião do sexo oposto só pra entrar por um ouvido e sair pelo outro. Brincadeira! Gostei do lance da sinceridade e deixar um pouco o orgulho de lado e elogiar o cara também é uma boa. Poxa, "Eu te amo" realmente não é "Bom dia", eu não sou adepta a dizer essa frase para qualquer rostinho bonito, mas a maioria das mulheres infelizmente é. Por isso, vocês, homens, cafajestes ou não, precisam prestar bem atenção onde estão metendo o p...Ops, o coração!

5 comentários:

  1. amei a discussão.
    isso dá pano para a manga, olha não podemos generalizar nunca.
    mas o carinha q muito te elogia tem intenções excusas (como diz minha mae) porque ele vai usar todas as táticas para te comer. só q é claro q o mesmo cafa pode se apaixonar, e ai a coisa muda de figura.
    o jeito é respeitarmos o lema, se ele namora, cai fora!

    ResponderExcluir
  2. vc gosta de artes tambem Mary, beijocasssss...

    ResponderExcluir

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Com vocês: O réu...


Eles têm direito de resposta (rs). Segue a versão masculina referente ao meu post anterior:

Cafajestes com coração e que também se apaixonam (resposta).

A pergunta parece, mas não é retórica, queria blogueira Mari. Claro que existem homens com o jeito “lindinho-mas-ordinário”, que só pensam em enfiar o pau em qualquer orifício do sexo feminino (um deles pouco aceitável por vocês), mas alguns muitos são sinceros.
Nem sempre um elogio é feito com a cabeça de baixo ou só com o pensamento de tirar a calça o quanto antes. O cara pode mesmo gostar de vocês. E é aí que o bicho pega.

O cara faz de “tudo” por você querendo, claro, o sexo, mas, em alguns casos, não só o sexo. Mas vocês pensam que eles só querem sexo e, depois de tanta bajulação, eles desencanam. Com motivos, é claro. Porque se nem o beijo dele foi elogiado (depois de milhões de elogios feitos), por que ele teria motivos para continuar?

Existe um limite entre a paixão e o sentimento de achar que está sendo um otário (o homem tem muito disso). E essa linha é tênue. É verdade.

Pensem um pouco mais. Tentem ser mais sinceras, ou não, e pensem que o cara pode estar sendo honesto, ou não.

Seria tão mais fácil se ambos fossem sinceros. A garota dizer que precisa ser bajulada e, depois, que vai te dar. E o cara dizer que vai bajular, mas já avisando que quer só dar umazinha (com o plano de comer atrás, mesmo sabendo que as chances são quase nulas antes de um “eu te amo”).
Sexo sem compromisso é o presente que ganhamos na nossa juventude, talvez a melhor coisa dos anos 90 e 00, mas a paixão a primeira vista ainda existe (apesar de eu pouco acreditar nisso).


E outra coisa...

Não respondam “Bom dia, lindo. Eu te amo!” para depois de duas ou três semanas nem pensarem mais no cara. Apesar do que temos no meio das pernas, temos também um coração. (vale ressaltar que não sou são-paulino)


É isso...


PS: às vezes, precisamos ser cafajestes e gostamos disso também.


Autor: Vitor Meneghetti, 26 anos, Jornalista, amigo e vizinho. Blog:
http://faltoucriatividade.wordpress.com

Resposta de Mari Proença: "Toda regra tem sua exceção!". Concordo, e acho que isso não vale só pra gramática da língua-portuguesa. Obrigada pelo post Vitor, gosto de ouvir a opinião do sexo oposto só pra entrar por um ouvido e sair pelo outro. Brincadeira! Gostei do lance da sinceridade e deixar um pouco o orgulho de lado e elogiar o cara também é uma boa. Poxa, "Eu te amo" realmente não é "Bom dia", eu não sou adepta a dizer essa frase para qualquer rostinho bonito, mas a maioria das mulheres infelizmente é. Por isso, vocês, homens, cafajestes ou não, precisam prestar bem atenção onde estão metendo o p...Ops, o coração!

5 comentários:

  1. amei a discussão.
    isso dá pano para a manga, olha não podemos generalizar nunca.
    mas o carinha q muito te elogia tem intenções excusas (como diz minha mae) porque ele vai usar todas as táticas para te comer. só q é claro q o mesmo cafa pode se apaixonar, e ai a coisa muda de figura.
    o jeito é respeitarmos o lema, se ele namora, cai fora!

    ResponderExcluir
  2. vc gosta de artes tambem Mary, beijocasssss...

    ResponderExcluir

Receba um e-mail quando o blog for atualizado